12 de junho de 2020

Auxílio Emergencial: 680 agências vão abrir as portas no próximo sábado

Por VALTER DOS SANTOS

Os nascidos em dezembro podem sacar a segunda parcela do benefício

VEJA TAMBÉM:

👉Revisão da Vida Toda PBC

 👉Projeto INSS 2022 – Curso Completo de Direito Previdenciário Teórico + Questões Comentadas

 👉KIT PRÁTICO DA ADVOCACIA PREVIDENCIÁRIA

 👉TUDO O QUE VOCÊ PRECISA SABER DE DIREITO PREVIDENCIÁRIO PARA PASSAR NO CONCURSO DO INSS!​

 👉A revolução da Previdência Privada

 👉PLANEJAMENTO PREVIDENCIÁRIO EFICIENTE

A CAIXA vai abrir, mais uma vez, as portas de suas agências no próximo sábado 13/06/2020, para atender aos beneficiários do Auxílio Emergencial. Ao todo, serão 680 agências em todo o país que vão funcionar das 8h às 12h. Confira uma relação que vai abrir no endereço: (site eletrônico da caixa na internet) www.caixa.gov.br/agenciasabado.

Veja o Calendário de Pagamento

A informação é pelo vice-presidente da CAIXA, Paulo Henrique Angelo, durante uma apresentação que o banco promove para exibir os dados do Auxílio de R$ 600,00. “Nossa razão de existir como banco público é servir uma nação brasileira”, disse o vice-presidente.

No sábado, será a vez dos nascidos em dezembro, que poderá sacar a segunda parcela nas máquinas de autoatendimento ou nas unidades lotéricas.

Para sacar, é necessário gerar um código autorizado (token) no aplicativo CAIXA Tem. Caso os beneficiários tenham dificuldade para gerar o código, esse serviço poderá ser realizado nas agências da CAIXA.

Fim do calendário

Com a liberação do saque para os nascidos em dezembro no sábado 13 de junho de 2020, a CAIXA encerra o calendário da segunda parcela. Quem não sacou no período, não precisa se preocupar. O crédito continua disponível nas contas indicadas e o saque pode ser feito, independente do dia do nascimento.

Atendimento nas agências

A CAIXA reforça que não é necessária madruga nas filas. As 680 agências abertas no sábado funcionam das 8h às 12h. Os beneficiários vão receber senhas e, mesmo com as unidades fechadas às 12h, o atendimento continua até o último cliente atendido. O banco fechou uma parceria com cerca de 1.280 prefeituras em todo o país para reforçar a organização das filas e manter o distanciamento mínimo de dois metros entre as pessoas.